Mahjong Ways

Suíno Vivo: Semana fecha com estabilidade nos preços e preocupação com paralisações

Publicado em 27/02/2015 17:57

Nesta sexta-feira (27) o mercado de suíno vivo viveu mais um dia de estabilidade de preços. Durante o decorrer da semana, as referências das principais praças mantiveram os valores que já estavam sendo praticados anteriormente e não houve movimentações. Parte do cenário se deve as paralisações dos caminhoneiros, que trouxe como consequência a paralisação dos abates em diversos frigoríficos no sul do país, região mais afetada.

A Associação Paranaense de Suinocultores (APS) divulgou nota em que a maior preocupação é com a saúde e bem-estar animal e pede que haja uma solução para resolver a situação. Também há relato de morte de animais por falta de insumos em algumas regiões.

Em Santa Catarina já são mais de dez frigoríficos paralisados ou com redução de atividades. Segundo o presidente do Sindicato das Indústrias de Carnes e Derivados de Santa Catarina (Sindicarne) e da Associação Catarinense de Avicultura (Acav), Ricardo Gouvêa, caso a situação não seja solucionada, até sábado tudo deverá ser paralisado.

Já no Rio Grande do Sul houve paralisações nos frigoríficos de todo o estado, segundo levantamento da Associação de Criadores de Suínos do Rio Grande do Sul (Acsurs). Além disso, não há mais alimento disponível para os animais, visto que muitas granjas não possuem grandes estoques.

Segundo a Associação Brasileira de Proteína Animal (ABPA) já há mais de 60 unidades industriais paralisando. Com isso, o mercado externo e interno está desabastecido, em que as exportações devem sofrer impacto, apesar dos esforços da associação.

Já em São Paulo, em que a situação se manteve normalizada quando comparada a região sul, houve informações de vendas. A Associação Paulista de Criadores de Suínos (APCS) relatou a comercialização de 440 animais a R$ 68/@ na cidade de Brotas (SP). Já em Holambra (SP), 1350 suínos foram comercializados entre R$ 69 a 70/@. Em Descalvado a venda foi de 264 suínos a R$ 68/@ e em Monte Alegre do Sul Monte Alegre do Sul 240 animais em 69/70@. No estado, a referência da semana estava em R$ 68 pela arroba suína, equivalente a R$ 3,63/kg.

Confira como ficaram os preços nas principais praças nesta sexta-feira (27):

EstadoPreço Máximo (R$/kg vivo)Variação (%)
Ver histórico Fechamento: 27/02/2015            
Santa Catarina3,200,00
Paraná3,360,00
Rio Grande do Sul3,430,00
São Paulo3,630,00
Mato Grosso3,150,00
Goias3,750,00
Minas Gerais3,750,00
BRF/SC*3,000,00
Aurora/SC*3,100,00
Pamplona/SC*3,000,00
Já segue nosso Canal oficial no WhatsApp? Clique Aqui para receber em primeira mão as principais notícias do agronegócio
Por:
Sandy Quintans
Fonte:
Mahjong Ways

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

Ao continuar com o cadastro, você concorda com nosso Termo de Privacidade e Consentimento e a Política de Privacidade.

0 comentário

    Mahjong Ways Mapa do site